Gestão & Produção
https://gestaoeproducao.com/article/doi/10.1590/1806-9649.2020v28e4795
Gestão & Produção
Artigo Original

Applications of template A3 and value-stream mapping in process improvement: the case of building elevators installation

Gino Flávio Vieira; James Manoel Guimarães Weiss

Downloads: 0
Views: 107

Abstract

abstract: This article explores the application of lean thinking concepts in the analysis and obtaining of significant process improvements in building elevators installations. Based on a pilot installation, planned to analyze the installation processes of an elevator manufacturer, the authors compared two similar elevator installations. In one of them, they applied various lean thinking concepts and tools, with particular emphasis on template A3 and value stream mapping (VSM). This pilot installation planning was also developed based on the recommendations for efficient project management, structured by the Project Management Institute (PMI). The application of the template A3 and the value stream mapping to the installation of one of the elevators resulted in increased productivity, reduced installation times, and increased final quality of the product installed.

Keywords

Elevators, Value-stream mapping, VSM, Lean production, Project management, Process improvement

Referências

Abdulmalek F. A., Rajgopal J. Analyzing the benefits of lean manufacturing and value stream mapping via simulation: a process sector case study. International Journal of Production Economics. 2007;107(1):223-36.

Agnese B. Access granted.. 2016.

Al-Kodmany K. Tall buildings and elevators: a review of recent technological advances. Buildings. 2015;5(3):1070-104.

Especificação de elevadores deve atender a NBR 5665.. 2018.

NBR NM 207: elevadores elétricos de passageiros: requisitos de segurança para construção e instalação.. 1999.

NBR NM 313: elevadores de passageiros: requisitos de segurança para construção e instalação: requisitos particulares para a acessibilidade das pessoas.. 2007.

NBR 5410: instalações elétricas de baixa tensão.. 2008.

NBR 16042: elevadores elétricos de passageiros: requisitos de segurança para construção e instalação de elevadores sem casa de máquinas.. 2012.

NBR ISO 9001: 2015.. 2015.

Azambuja M. M. B., Formoso C. T. Diretrizes para a melhoria dos processos de projeto, aquisição e instalação de elevadores utilizando conceitos de gestão da cadeia de suprimentos. Ambiente Construído. 2003;3(3):77-94.

Borges J. G., Carvalho M. M. Critérios de sucesso em projetos: um estudo exploratório considerando a interferência das variáveis tipologia de projetos e stakeholders.. Produção. 2015;25(1):232-53.

Camargo Junior J. B., Pires S. R. I. Sistematização da implementação de outsourcing logístico por meio de práticas de gestão de projetos. Gestão & Produção. 2017;24(2):310-23.

Dresch A., Lacerda D. P., Miguel P. A. C. Uma análise distintiva entre o estudo de caso, a pesquisa-ação e a Design Science Research. Revista Brasileira de Gestão e Negócios. 2015;17(56):1116-33.

Fischetti M. New designs going up: working knowledge on elevators. Scientific American. 2009;300(1):104-5.

Gawande A. Checklist como fazer as coisas benfeitas. 2011.

Marcelino H. P., Weiss J. M. G. Melhoria de processos por meio do mapeamento do fluxo de valor: estudo de caso.. 2009.

Marchwinski C., Shook J. Léxico Lean: glossário ilustrado para praticantes do Pensamento Lean. 2011.

Maximiano A. C. A. Aplicação do PMBOK a projetos acadêmicos.. 1988.

Miguel P. A. C. Estudo de caso na engenharia de produção: estruturação e recomendações para sua condução. Produção. 2007;17(1):216-29.

Moreira M. P., Fernandes F. C. F. Avaliação do mapeamento do fluxo de valor como ferramenta da produção enxuta por meio de um estudo de caso.. 2001.

Nonaka I., Takeuchi H. The knowledge-creating company: how Japanese companies create the dynamics of innovation. 1995.

Ohno T. O Sistema Toyota de Produção. 1997.

Park S. T., Yang B. S. An implementation of risk-based inspection for elevator maintenance. Journal of Mechanical Science and Technology. 2010;24(12):2367-76.

Prates C. C., Bandeira D. L. Aumento de eficiência por meio do mapeamento do fluxo de produção e aplicação do Índice de Rendimento Operacional Global no processo produtivo de uma empresa de componentes eletrônicos. Gestão & Produção. 2011;18(4):705-18.

A guide to the project management body of knowledge. 2013.

Rabechini Junior R., Carvalho M. M., Rodrigues I., Sbragia R. A organização da atividade de gerenciamento de projetos: os nexos com competências e estrutura. Gestão & Produção. 2011;18(2):409-24.

Rother M., Shook J. Aprendendo a enxergar: mapeando o fluxo de valor para eliminar o desperdício. 2012.

Salgado E. G., Mello C. H. P., Silva C. E. S., Oliveira E. S., Almeida D. A. Análise da aplicação do mapeamento do fluxo de valor na identificação de desperdícios do processo de desenvolvimento de produtos. Gestão & Produção. 2009;16(3):344-56.

Schindler A. Manual do transporte vertical.. 2018.

Shingo S. O Sistema Toyota de Produção: do ponto de vista da Engenharia de Produção.. 1996.

Shook J. Toyota’s secret: the A3 report. MIT Sloan Management Review. 2009;50(4):30.

Shook J. Gerenciamento para o aprendizado: usando o processo de gestão A3 para resolver problemas, promover alinhamento, orientar e líder. 2014.

Silva D. A. R., Clemente D. H., Terra J. D. R., Lopes K. M., Carvalho M. M., Fleury A. L., Zancul E. S., Marx R. Aspectos comportamentais na gestão de projetos: uma análise bibliométrica (1988-2014). Gestão & Produção. 2017;24(1):178-200.

Tetlow K. New elevator technology: the machine room-less elevator.. 2007.

Descritivo técnico - Grife One (sem casa de máquinas).. 2018.

Valle A. B., Soares C. A. P., Finocchio Junior J. F., Silva L. S. F. Fundamentos do gerenciamento de projetos. 2010.

Vargas R. V. Manual prático do plano de projeto: utilizando o PMBOK® Guide. 2007.

Womack J. P., Jones D. T. Lean thinking: banish waste and create wealth in your corporation.. 1996.

Womack J. P., Jones D. T., Roos D. The machine that changed the world.. 1990.

Womack J. P., Jones D. T., Ross D. A mentalidade enxuta nas empresas lean thinking: elimine o desperdício e crie riqueza.. 2004.

Yin R. K. Estudo de caso: planejamentos e métodos. 2015.

60718af4a953955b61035e12 gp Articles

Gest. Prod.

Share this page
Page Sections