Gestão & Produção
https://gestaoeproducao.com/article/doi/10.1590/0104-530x4964-20
Gestão & Produção
Artigo Original

Application of the OEE tool as a proposed increase in productivity in grain drying systems

Darlan Marques da Silva; Higor Marques de Oliveira

Downloads: 0
Views: 72

Abstract

Abstract: Companies nowadays seek to gain advantages over their competitors by using tools that converge them to more efficient and effective processes. With this competitive scenario, the use of the Global Equipment Effectiveness (OEE) indicator has grown. In this sense, the present study aims to propose improvements in the productivity and management of the maintenance of grain drying operations, through the analysis and OEE calculations of the process. Developed in a grain processing and storage unit, the Availability, Performance and Quality indices were calculated using historical data recorded in Excel spreadsheets and analyzed in graphs. The evaluations carried indicated satisfactory performance regarding maintenance scheduling due to the high availability rates of the equipment. As for the results obtained for performance, it was possible to observe the variables influencing the productivity and to point out improvements to the process. The observations made in the scope of quality surrounded the effects that the high moisture contents of the grains cause to the drying process. In view of this, it was possible to conclude that the losses between the indexes that compose the OEE have a high correlation.

Keywords

Availability, Global equipment efficiency, Performance indicator

Referências

Ammara R., Fradette L., Paris J. Equipment performance analysis of a Canadian Kraft mill. Part I: development of new key performance indicators (KPI). Chemical Engineering Research & Design. 2016;115:160-72.

Andersson C., Bellgran M. On the complexity of using performance measures: enhancing sustained production improvement capability by combining OEE and productivity. Journal of Manufacturing Systems. 2015;35:144-54.

Biagi J. D., Bertol R., Carneiro M. C. Secagem de grãos para unidades centrais de armazenamento. Armazenagem de grãos. 2002:289-308.

Brusius Jr. W. Estratégia de manutenção centrada na confiabilidade para três maquinas de produção em uma empresa de transformação mecânica. 2016.

Burkot C. R. A qualidade desejada na secagem e armazenagem de grãos em uma cooperativa no município de Ponta Grossa - PR. Gestão e Organizações Cooperativas. 2014;1(2):39-50.

Secagem de grãos. 2017.

A produtividade da soja: análise e perspectivas. Compêndio de Estudos CONAB. 2017;10:1-35.

PIB do agronegócio deve crescer de 2,5% a 3% em 2016, diz CNA. 2016.

Dunn T. OEE effectiveness. Flexible Packaging: Materials, Machinery, and Techniques. 2015:77-85.

Soja em números (safra 2016/2017). 2017.

Erkoyuncu J. A., Khan S., Eiroa A. L., Butler N., Rushton K., Brocklebank S. Perspectives on trading cost and availability for corrective maintenance at the equipment type level. Reliability Engineering & System Safety. 2017;168:53-69.

Fernandes R. L., Marinho M. S. Controle de qualidade na produção de milho: semente. 2016.

Garcia F. L. Proposta de implantação de manutenção preventiva em um centro de usinagem vertical: um estudo de caso. Tecnologia e Tendências. 2014;9(2):88-115.

Girão A. H. F., Amorim A. A., Masih R. T. Análise do processo da aplicação da manutenção produtiva total no setor de tingimento de uma indústria têxtil. 2016.

Gonçalves D. F. Gestão da manutenção em edifícios: modelos para uma abordagem LARG (Lean, Agile, Resilient e Green). 2014.

Produção de cereais, leguminosas e oleaginosas - confronto entre as safras 2016 e 2017. 2017.

Jaimes M. A., Candia G. Toppling of rigid electric equipment during earthquakes. Engineering Structures. 2018;168:229-42.

Leal F., Almeida D. A., Parenti L. V., Ferreira Jr. J. S., Maurio T. B. Adaptação do indicador OEE para análise de perdas produtivas relacionadas ao uso da energia elétrica. 2013.

Macon E., Caspani F. C., Alonso L. C. Total Productive Management (TPM). 2010.

Marques A. P. Planejamento e programação na base: estudo de caso PETROBRAS UO/RIO.. 2014.

OEE classe mundial. 2017.

Peinado J., Graeml A. Administração da produção: operações industriais e de serviços. 2007.

Pereira N. N. Operação portuária. 2012.

Pintelon L., Muchiri P. Performance measurement using overall equipment effectiveness (OEE): literature review & practical application discussion. International Journal of Production Research. 2008;46(13):1-45.

Prodanov C. C., Freitas E. C. Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico. 2013.

Raposo C. F. C. Overall equipment effectiveness: aplicação em uma empresa do setor de bebidas do polo industrial de Manaus. Produção Online. 2011;11(3):648-67.

Ribeiro D. M., Correa P. C., Rodrigues D. H., Goneli A. L. D. Análise da variação das propriedades físicas dos grãos de soja durante o processo de secagem. Food Science and Technology. 2005;25(3):611-7.

Rigoto M. S., Natti E. R. T. Estudo para otimização dos processos em uma fábrica de tubos de concreto. 2014.

Rodrigues C. L. C. Desenvolvimento de um sistema automático para um secador de produtos agrícolas. 2010.

Schmidt L., Lorencena M. C., Teixeira M. Controle de operações em secadores de grãos com redução do consumo de recursos naturais. 2017:170-9.

Silva D. C. S., Lucena A. D., Medeiros L. D. D., Costa D. O., Andrade J. T. D. Estudo de indicadores chave de desempenho em manutenção e construção de uma dashboard em uma indústria do ramo petrolífero. 2015.

Silva J. P. A. R. OEE a forma de medir a eficácia dos equipamentos. 2009.

Silva L. C. Secagem de grãos. Revista Grãos Brasil: da Semente ao Consumo. 2004;3(14):10-4.

Silva L. C. Operação de secadores cascata. 2006;2(6).

Silva M. S., Derzi L. R. G. D. Aplicação da ferramenta tpm para otimização da eficiência para global em máquina de conformação de tampa básica de alumínio latas de bebidas. 2016.

Slack N., Chambers S., Johnston R. Administração da produção. 2002.

Stortte J. M. C., Zafra F. M., Silva D. C., Detregiachi Fo. E., Zachi J. M. Aplicação do indicador OEE como ferramenta para aumento da eficiência em uma caldeira. 2014.

Commodities and production. 2017.

Vinha E. P., Mota R. O. A importância da correta aplicação do OEE: um estudo de caso em uma empresa produtora de rações da cidade de rio pomba mg. Administração de Empresas em Revista. 2014;13(14):192-203.

Weber E. A. Excelência em beneficiamento e armazenagem de grãos. 2005.

Xing Q., Wit M., Kyriakopoulou K., Boom R. M., Schutyser M. A. I. Protein enrichment of defatted soybean flour by fine milling and electrostatic separation. Innovative Food Science & Emerging Technologies. 2018;50:42-9.

5ff6fd630e88257e765aeabc gp Articles

Gest. Prod.

Share this page
Page Sections