Gestão & Produção
https://gestaoeproducao.com/article/doi/10.1590/0104-530x4669-20
Gestão & Produção
Artigo Original

Practices of knowledge management in organizational processes of town hall of the AMUSEP region: a research agenda

Arthur Gualberto Bacelar da Cruz Urpia; Rejane Sartori; Caio Pisconti Machado

Downloads: 0
Views: 8

Abstract

Abstract: This article aims to diagnose the implementation level and coverage regarding of the Knowledge Management practices related to the organizational processes in the municipalities associated to AMUSEP - Municipalities Association of the North of Paraná. Thus, our work is a quantitative and descriptive research based on multiple case studies. We collected data through a questionnaires in Google Forms. The outcomes point out that those municipalities have both low effective level of implementation and low coverage of Knowledge Management practices associated to the organizational processes. This result is critical given the importance of these practices for public organizations, since they act as facilitators of the processes of Knowledge Management.

Keywords

Knowledge management, Public sector, Organizational processes

Referências

Abecker A., Bernardi A., Hinkelmann K., Kuhn O., Sintek M. Toward a technology for organizational memories. IEEE Intelligent Systems & their Applications. 1998;13(3):40-8.

Agune R. O governo no século XXI. Dá pra fazer: gestão do conhecimento e inovação em governo. 2014.

Almudallal A. W., Bakri N., Mujtar S. N., El-Farra M. M. Implementing knowledge management in the palestinian public sector institutions: empirical study on the Presidency of the Palestinian Government. International Review of Management and Marketing. 2016;6(4):101-7.

Knowledge management glossary. 2014.

Angelis C. T. Gestão do Conhecimento no setor público: um estudo de caso por meio do método OKA. Revista do Serviço Público. 2011;62(2):137-66.

Araújo Jr J. A., Martins I. Gestão por competências na administração pública: uma análise bibliométrica a partir do decreto Lei 5.707/2006. Revista Eletrônica de Gestão Organizacional. 2014;12(2):153-62.

Arrau G. P. Gestión del conocimiento en el sector público chileno. Experiências internacionais de implementação da gestão do conhecimento no setor público. 2016.

Balbino J. N., Silva H. F. N., Queiroz F. C. B. P. O estágio de desenvolvimento da gestão do conhecimento nos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia. Perspectivas em Gestão & Conhecimento. 2016;6(2):80-98.

Batista F. F. O desafio da gestão do conhecimento nas áreas de administração e planejamento das Instituições Federais de Ensino Superior (IFES). 2006.

Batista F. F. Modelo de gestão do conhecimento para a administração pública brasileira: como implementar a gestão do conhecimento para produzir resultados em benefício do cidadão. 2012.

Batista F. F. Experiências internacionais de implementação da gestão do conhecimento no setor público. 2016.

Batista F. F., Quandt C. O., Pacheco F. F., Terra J. C. C. Gestão do conhecimento na administração pública. 2005.

Batista F. F., Rech A. R., Gomes C. A., Santos D. L. N., Andrade E. C. S., Mallmann M. L., Ferreira R. M. P. M., Costa V. da S. Casos reais de implantação do modelo de gestão do conhecimento para a administração pública brasileira. 2014.

Batista F. F., Xavier A. C. R., Mendes L. C., Rosenberg G. Gestão do conhecimento em organizações públicas de saúde. 2007.

Bento J. C., Massuda E. M., Urpia A. G. B. da C., Bortolozzi F. Práticas da gestão do conhecimento em recursos humanos em instituição de ensino superior à distância. Espacios. 2016;37(29):21-30.

Braun C. C., Mueller R. R. A gestão do conhecimento na administração pública municipal em Curitiba com a aplicação do método OKA - Organizational Knowledge Assessment. Revista de Administração Pública. 2014;48(4):983-1006.

Bresser-Pereira L. C. Da administração pública burocrática à gerencial. Revista do Serviço Público. 1996;47(1):7-40.

Brito L. M. P., Oliveira P. W. S., Castro A. B. C. Gestão do conhecimento numa instituição pública de assistência técnica e extensão rural do Nordeste do Brasil. Revista de Administração Pública. 2012;46(5):1342-66.

Cabral M. P. Gestão do conhecimento no ensino público: um estudo de caso em escolas públicas participantes do PEEB.. 2017.

Carbone P. P., Brandão H. P., Leite J. B. D., Vilhena R. M. de P. Gestão por competências: gestão do Conhecimento.. 2009.

Métodos de pesquisa em Ciências Sociais: bloco quantitativo. 2016.

Choo C. W. Information management for the intelligent organization: the art of scanning the environment.. 2002.

Conklin J. Designing organizational memory: preserving intellectual assets in a knowledge economy. 2001.

Dalkir K. Knowledge management in theory and practice. 2011.

Dalkir K. Knowledge management in the public sector: some canadian success factors. Experiências Internacionais de implementação da gestão do conhecimento no setor público.. 2016.

Davenport T. H., Prusak L. Conhecimento empresarial: como as organizações gerenciam o seu capital intelectual. 1998.

Denhardt J. V., Denhardt R. B. The new public service: serving not steering. 2003.

Driessen S., Huijsen W., Grootveld M. A framework for evaluating knowledge-mapping tools. Journal of Knowledge Management. 2007;11(2):109-17.

Echternacht T. H. S., Quandt C. O. A gestão do conhecimento como suporte ao processo estratégico na administração pública municipal: um estudo comparativo de casos no Brasil e em Portugal. Perspectivas em Gestão & Conhecimento. 2017;7(1):35-49.

Edvinsson L., Malone M. S. El capital Intelectual: cómo identificar y calcular el valor de los recursos intangibles de su empresa. 1999.

Edvinsson L., Malone M. S. El capital intelectual: cómo identificar y calcular el valor inexplorado de los recursos intangibles de su empresa. 2003.

Freire P. S., Spanhol F. J. Conhecimento organizacional: produto ou processo?. Perspectivas em Gestão & Conhecimento. 2014;4(1):3-21.

Fresneda P. S. V., Gonçalves S. M. G., Papa M., Fonseca A. F. Diagnóstico da gestão do conhecimento nas organizações públicas utilizando o método Organizational Knowledge Assesment (OKA). 2009:1-23.

García-Holgado A., García-Peñalvo F. Architectural pattern to improve the definition and implementation of eLearning ecosystems. Science of Computer Programming. 2016;129:20-34.

Heisig P. Knowledge management in public administration in four european countries: examples from austria, germany, switzerland and the united kingdom. Experiências Internacionais de implementação da gestão do conhecimento no setor público. 2016.

Lee J., Fink D. Knowledge mapping: encouragements and impediments to adoption. Journal of Knowledge Management. 2013;17(1):16-28.

Leocádio L., Santos J. L. Gestão do Conhecimento em Organizações Públicas: transferência de conhecimento suportada por tecnologias da informação e comunicação.. 2008.

Machado C. P. Práticas de gestão do conhecimento de processos organizacionais no contexto escolar: proposta de um modelo teórico-conceitual. 2017.

Machado C. P., Urpia A. G. B. da C., Forno L. F. D. Gestão do conhecimento no ensino público: uma agenda de pesquisa. Revista Cesumar. 2017;22(1):145-65.

Maier R. Knowledge management systems: information and communication technologies for knowledge management. 2007.

Martins M. H. Gestão Pública: como funciona a Prefeitura? Organização da administração pública municipal. 2016.

Massa S., Testa S. Innovation or imitation? Benchmarking: a knowledge‐management process to innovate services. Benchmarking. 2004;11(6):610-20.

Massaro M., Dumay J., Garlatti A. Public sector knowledge management: a structured literature review. Journal of Knowledge Management. 2015;19(3):530-58.

Mendoza C., Bischoff J., Willy C. Measuring the value of knowledge management practices at government research and development centers. Knowledge and Process Management. 2017;24(1):14-22.

Mishra A., Mishra D. E-government: exploring the different dimensions of challenges, implementation, and success factors. ACM SIGMIS Database. 2012;42(4):23-37.

Moresi E. A. D. Gestão da informação e do conhecimento. Inteligência organizacional e competitiva. 2001.

Conclusões dos resultados da pesquisa das práticas de gestão do conhecimento nos ministério/departamentos/agências do governo central nos países membros da OCDE. 2003.

Osborne D., Gaebler T. Reinventando o governo: como o espírito empreendedor está transformando o setor público. 1995.

Pacheco D. C. Maturidade em gestão do conhecimento da Prefeitura Municipal de Criciúma: o caso dos setores de convênios. 2015.

Pacheco R. M., Rochinski A., Peñaloza A. L. L., Pinto C. R. S. C. Gestão do conhecimento na administração pública brasileira: seu papel na promoção da sustentabilidade. 2015.

Paranhos R., Figuereido Fo. D. B., Rocha E. C., Silva Jr. J. A. Corra que o survey vem aí.: noções básicas para cientistas sociais. Revista Latinoamericana de Metodología de la Investigación Social. 2014;6:7-24.

Perrin A., Rolland N., Stanley T. Achieving best practices transfer perspective on teacher professional development. Computers in Human Behavior. 2010;26(1):168-75.

Purcidonio P. M. Práticas de gestão do conhecimento em arranjo produtivo local: o setor moveleiro de Arapongas - PR. 2008.

Quandt C. O., Terra J. C. C., Batista F. F. Gestão do conhecimento na administração pública: estágio de implantação, nível de formalização e resultados das iniciativas do governo federal brasileiro. 2006.

Ribeiro C. P. P., Pereira A. D. S., Silva E. A., Faroni W. Dissemination of information within the public sector. Transinformação. 2011;23(2):159-71.

Ribeiro E. M., Izquierdo O. C. Gestão do conhecimento e governança no setor público. 2017.

Salm J. F., Menegasso M. E. Os modelos de administração pública como estratégias complementares para a coprodução do bem público. Revista de Ciências da Administração. 2009;11(25):97-120.

Santos A. R., Pacheco F. F., Pereira H. J., Bastos Jr. P. A. Gestão do conhecimento como modelo empresarial. Gestão do conhecimento: uma experiência para o sucesso empresarial. 2001:11-48.

Sartori R. Governança em agentes de fomento dos sistemas regionais de CT&I. 2011.

Silva A. P. N., Miranda A. C. D. Gestão do conhecimento no setor público: um estudo sobre os artigos publicados em periódicos nacionais no período 2005-2015. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação. 2018;23(52):73-83.

Singh R. M., Gupta M. Knowledge management in teams: empirical integration and development of a scale. Journal of Knowledge Management. 2014;18(4):777-94.

Sousa A. D. D. As práticas de gestão de conhecimento nas organizações públicas: o ministério da justiça. 2002.

Sousa M. A. B. Gestão do Conhecimento: uma contribuição ao seu entendimento. Revista de Administração e Negócios da Amazônia. 2014;6(3):1-10.

Stewart T. A. Capital intelectual: a nova vantagem competitiva das empresas. 1998.

Strakos J. K., Quintanilla J. A., Huscroft J. R. Department of Defense energy policy and research: a framework to support strategy. Energy Policy. 2016;92:83-91.

Tavares J. Administração pública e direito administrativo. 1992.

Wiig K. M. Knowledge management in public administration. Journal of Knowledge Management. 2000;6(3):224-39.

Young R. Knowledge management: tools and techniques manual. 2010.

5ff6ff900e8825867b5aeabd gp Articles

Gest. Prod.

Share this page
Page Sections