Gestão & Produção
https://gestaoeproducao.com/article/doi/10.1590/0104-530x-2802
Gestão & Produção
Artigo Original

Composição probabilística de preferências com abordagem empírica em problemas multicritério

Composition of probabilistic preferences with an empirical approach in multi-criteria problems

Luiz Octávio Gavião; Gilson Brito Alves Lima; Annibal Parracho Sant’; Anna; Gabriela Franco dos Santos Vasconcelos Maciel

Downloads: 0
Views: 888

Resumo

Resumo Este artigo teve por objetivo apresentar uma abordagem empírica ao método de Composição Probabilística de Preferências (CPP). O método CPP se destina a escolha, ordenação e classificação de alternativas em problemas multicritério. O CPP tem explorado ampla variedade de aplicações a partir de distribuições de probabilidades contínuas. Entretanto, o uso de probabilidades empíricas, sem a necessidade de conhecer ou assumir uma função de probabilidade conjunta que origina as preferências, pode contribuir para lidar com determinados tipos de problema com escalas ordinais de preferência. A abordagem empírica é aqui aplicada em três casos, com a finalidade de ilustrar suas principais características e limitações. A proposta se mostrou satisfatória para o tratamento de preferências de avaliadores, especialmente quando o número de alternativas é reduzido em relação às opções da escala de pontos de avaliação e ao número de avaliadores, por contribuir para elevar a capacidade discriminatória dos resultados.

Palavras-chave

Composição probabilística de preferências, Probabilidades empíricas, ISO 31010

Abstract

Abstract This paper aimed at presenting an Empirical Approach to the Composition of Probabilistic Preferences (CPP) method. The CPP method is used to choose, sort and classify alternatives in multi-criteria problems. The CPP has explored a wide variety of applications from continuous probability distributions. However, the use of empirical probabilities, without the need to know or assume a joint probability function that gives rise to preferences, can help to deal with certain types of problems with ordinal preference scales. The empirical approach is applied here in three cases, with the purpose of illustrating its main characteristics and limitations. The proposal proved to be satisfactory for treating appraisers' preferences, especially when the number of alternatives is reduced in relation to the options of the scale of assessment points and the number of appraisers, as they contribute to increase the discriminatory capacity of the results.

Keywords

Composition of probabilistic preferences, Empirical probabilities, ISO 31010

Referências

Abbas A. E. Entropy methods for joint distributions in decision analysis. IEEE Transactions on Engineering Management. 2006;53(1):146-59.

Arrow K. J. Social choice and individual values. 1963.

Caillaux M. A., Sant’Anna A. P., Meza L. A., Soares de Mello J. C. C. B. Container logistics in Mercosur: choice of a transhipment port using the ordinal Copeland method, data envelopment analysis and probabilistic composition. Maritime Economics & Logistics. 2011;13(4):355-70.

Graybill F. A., Mood A. M., Boes D. C. Introduction to the theory of statistics. 1974.

IEC/ISO 31010: 2009: risk management-risk assessment techniques. 2009.

Maciel G. F. S. V. Análise e validação de um modelo de processo de avaliação de riscos baseado na norma ABNT NBR ISO 31000. 2015.

Pomerol J.-C., Barba-Romero S. Multicriterion decision in management: principles and practice. 2012.

Project management body of knowledge (PMBOK® guide). 2001.

R: a language and environment for statistical computing. 2015.

Ross S. M. Introduction to probability and statistics for engineers and scientists. 2009.

Sant’Anna A. P. Detalhamento de uma metodologia de classificação baseda na composição probabilística de preferências. Relatórios de Pesquisa em Engenharia de Produção. 2013;13:12-21.

Sant’Anna A. P. Probabilistic composition of preferences, theory and applications. 2015.

Sant’Anna A. P. Probabilistic human development indices. Brazilian Journal of Operations & Production Management. 2015;12(1):136-46.

Sant’Anna A. P., Conde F. Q. Probabilistic comparison of call centres in a group decision process. International Journal of Management and Decision Making. 2011;11(5-6):417-37.

Sant’Anna A. P., Mello J. C. C. B. S. Validating rankings in soccer championships. Pesquisa Operacional. 2012;32(2):407-22.

Sant’Anna A. P., Sant’Anna L. A. F. P. Randomization as a stage in criteria combining. 2001:248-56.

Sant’Anna A. P., Silva D. C. D. Análise multicritério de materiais para a síntese de catalisadores automotivos. Engevista. 2011;13(3):226-43.

Sant’Anna A. P., Ferreira M. H., Duarte S. R. A. Avaliação do desempenho de empresas utilizando a Composição Probabilística de Índices Financeiros. Pesquisa Operacional para o Desenvolvimento. 2012;4:304-24.

Sant’Anna A. P., Gomes L. F. A. M., Costa F. F., Rangel L. A. D., Faria M. J. S., Ferreira R. G., Moreira Fo. R. M., Ribeiro R. O. A., Senna V. Análise multicritério baseada em probabilidades de preferência. Tópicos emergentes e desafios metodológicos em engenharia de produção: casos, experiências e proposições. 2012;5.

Sant’Anna A. P., Costa H. G., Pereira V. CPP-TRI: a sorting method based on the probabilistic composition of preferences. International Journal of Information and Decision Sciences. 2015;7(3):193-212.

Sant’Anna A. P., Martins E. F., Lima G. B. A., Fonseca R. A. Beta distributed preferences in the comparison of failure modes. Procedia Computer Science. 2015;55:862-9.

Soong T. T. Fundamentals of probability and statistics for engineers. 2004.

Treinta F. T., Farias Fo. J. R., Sant’Anna A. P., Rabelo L. M. Metodologia de pesquisa bibliográfica com a utilização de método multicritério de apoio à decisão. Production. 2014;24(3):508-20.

5def92310e8825e72eb5f733 gp Articles
Links & Downloads

Gest. Prod.

Share this page
Page Sections